terça-feira, 5 de julho de 2011

(Dionísio Brito)

Não queira mudar o que sinto
Pois meus sentimentos são reais
E imutáveis...

Não me julgue ingênuo
Minha alma de menino
Já aprendeu o que é amor...

Não, não quero ser só amigo
Preciso de algo mais intenso
Me permita te amar...

Só quero uma chance
Me deixa te tocar, te sentir
Ser teu homem.

13 Responses so far.

  1. LUZ says:

    Olá querido Diego,

    Não pedes muito, afinal.
    Permitir o amor, é uma doação.
    Prabéns pela beleza e simplicidade do poema.
    Aparece, logo à noite.

    Beijinhos de luz.

  2. Eu já ouvi essas mesmas palavras,
    infelizmente ele se iludiu comigo =|
    Bela escrita, mostra realmente aquilo que sente.

    Beju
    http://nathydorgas.blogspot.com/

  3. Oi Diego, que fofo você. De palavras simples, mas declamante sincero.
    Beijokas e vou seguir-te.

  4. Lií says:

    Geralmente poemas não me agradam, mas o teu mostra uma ternura de um homem que fala a verdade.
    "Só quero uma chance, Me deixa te tocar, te sentir, ser teu homem" quem dera que todos os homens se referissem a uma forma carinhosa e não brutal.


    http://garotalii.blogspot.com/

  5. Lucas says:

    Admiro tais poemas não tão complexos, que me dê versos que já senti e não exija que eu tenha um dicionário ao lado para poder interpretá-lo. Parabéns pela simplicidade em tanto sentimento, Diego. Abraços.

  6. LUZ says:

    Oi Diego,
    Agradeço o teu comentário, que, infelizmente, ainda não consegui postar, por problemas do blogger.
    Quanto às perguntas, que me fazes, só os deuses sabem te dar a resposta.
    Beijinhos de luz.

  7. LUZ says:

    Oi querido Di,

    Ainda não leu meu mail? Já publiquei o teu comentário.
    Te espero esta noite. Tenho surpresa. Qdo entrares no meu blog, abre bem teus olhos.

    Bjs de luz.

  8. Eu nem preciso dizer, mas digo de novo: Você escreve muito bem. Eu realmente queria ter esse talento para escrever poemas, mas acho que sou limitada a prosas.

  9. É tão interessante poemas escritos por homem... a docilidade existe, mas é diferente...belo blog!
    Kisses

  10. LUZ says:

    Olá Diego,

    Passei para ver se tinhas novidades.
    Passa no meu espaço, há coisas legais.

    Bjs de luz.

  11. LUZ says:

    Oi querido Di,

    Agradeço a tua presença e o teu comentário no meu blog.
    Deixei lá para ti beijinhos e recado.

    Bj de luz.

    PS - Não fechei a porta, nem apaguei a luz. E agora?

  12. Livinha says:

    Diego, lindo versos de sentimento puro e certo do que vai dentro.
    Imutável por ser de amor, quando o amor é inabalável, forte real e pleno...

    Lindo de viver.

    Bjs

    Livinha

  13. 15 de julho, é o dia do HOMEM! Não poderia deixar de vir aqui e dizer que vocês, macho da minha espécie, depois da mulher é a melhor coisa que há na face da terra. O mundo sem vocês seria sem forma e vazio... Pra quem nos coloriríamos nossa beleza? Quem nos dispensaria gentilezas? Quem nos admiraria? Quem nos daria nuvens pra sonhar e céu pra gozar? Quem? Quem?
    Vocês homens são dádivas de Deus a nós eternas carentes dos seus olhares!
    Vida longa aos homens de boa vontade! \o/ \o/\o/

Translate this blog

Mascote

Get the

Arquivo

About

Creative Commons

licença creative commons
O Blog "Delírios do Di" de Diego Barros É licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivs.
Based on a work at www.deliriosdodi.blogspot.com.

- Copyright © Diego Barros -Metrominimalist- Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan -